POLIACETAL

O Poliacetal, também chamado de polioximetileno (POM) TECAFORM é um termoplástico semi-cristalino, com alta resistência mecânica e rigidez. O polímero tem boas características de deslizamento e resistência ao desgaste, bem como a baixa absorção de umidade. A boa estabilidade dimensional e resistência a fadiga, assim como a excelente usinabilidade faz do POM um material de engenharia altamente versátil, inclusive para componentes complexos.

 
É feita uma distinção entre os homopolímeros (POM-H) TECAFORM AD e copolímeros (POM-C) TECAFORM AH. Devido à sua maior cristalinidade, os homopolímeros têm densidade um pouco mais elevada, dureza e resistência. Os copolímeros, entretanto, têm maior resistência ao impacto, maior resistência a abrasão, bem como maior resistência térmica e química.
  • Alta resistência, rigidez e dureza
  • Boa resistência ao impacto, mesmo em baixas temperaturas
  • Baixa absorção de umidade (na saturação 0,8%)
  • Boa resistência a deflexão
  • Alta estabilidade dimensional
  • Resistentes a hidrólise (até ~ 60 ° C)
  • Precisão dimensional
  • Resistente ao desgaste
  • Elevada resiliência
O Poliacetal (homopolímero ou copolímero) foi descoberto em 1956 e é proveniente do formaldeído. É um plástico de engenharia rígido com excepcional estabilidade dimensional, baixa absorção de água, baixo coeficiente de atrito, elevada resistência à abrasão e agentes químicos.
 
O Poliacetal é o termoplástico com maior índice de aplicação nos diversos setores industriais, inclusive automotivos.
  • Peças de alta precisão
  • Mancais
  • Engrenagens
  • Roscas sem fim
  • Roletes
  • Roldanas
  • Parafusos
  • Entre outros diversos componentes
  • Peso Específico (densidade) – 1,41g/cm³
  • Dureza – R120
  • Resistência a temperatura uso contínuo – (-30 +100ºC)
  • Aceita aditivação ou pigmentação – Sim
  • Absorção de umidade (23ºC 50%UR) – 0,30%
  • Ponto de Fusão – 165ºC
  • Atóxico
  • Anti-aderente
  • Estabilidade dimensional
  • Resistência a abrasão